ATENÇÃO! 2a. EDIÇÃO DO LIVRO BASE DISPONÍVEL! NA LOJA VIRTUAL DA FEDF - clique na imagem

MEU IDIOMA

ptafarcazh-CNhrenfrdeeliwhiidgaitjakoplruesuk

CADASTRE-SE

SITES RELACIONADOS



GRUPO JORNADA FRATERNA
ATENDIMENTO ESPIRITUAL NO CENTRO ESPÍRITA

 NORMAS GERAIS DE AÇÃO - NGA

 OBJETIVO GERAL DO GRUPO
     Estudo, pesquisa, formação de trabalhadores e divulgação de conhecimentos, instrumental e recursos sobre as atividades do Atendimento Espiritual no Centro Espírita, segundo definição da Federação Espírita Brasileira – FEB (abaixo).
 
Objetivos específicos:
⇒ 
Formação de trabalhadores: através de programas, cursos, seminários, experiências e materiais para estudo e prática; instrumental para autotransformação evolutiva.
⇒ Pesquisas incentivadoras de novos entendimentos e práticas sobre tópicos específicos da área.

⇒ Divulgação: criação, manutenção e alimentação de espaços na internet.
⇒ Apoio às atividades do Atendimento Espiritual dentro do Movimento Espírita, em particular à Federação Espírita do DF (FEDF).
 
MENTOR E TRABALHO ESPIRITUAL
Benfeitor espiritual Isidoro e sua Equipe de Trabalho.
 
CAMPOS VIBRATÓRIOS DE AFINIDADE
Amor fraterno incondicional do Cristo.
Amor materno-espiritual de Maria de Nazaré.
 
DINÂMICA DO GRUPO 

⇒ Reuniões em local, horário e periodicidade combinadas entre os seus membros para:
• Manutenção de campo vibratório de atuação do Grupo.
• Informes e tratamento das questões relativas ao Grupo.
• Realização de estudos específicos.
• Fornecimento de um campo para atendimentos realizados pela equipe espiritual.
⇒ Realização da programação integral em cada reunião, a partir da presença de pelo menos um dos membros encarnados, considerando que sempre haverá frequência de número significativo de desencarnados.
⇒ Estudo individual e produção de materiais para ensino e divulgação, segundo a programação acordada.


DIVULGAÇÃO VIRTUAL DOS TRABALHOS DO GRUPO
   A divulgação virtual dos trabalhos do Grupo é feita através de espaço (site) criado para este fim e disponibilizado na internet:
Atendimento Fraterno no Centro Espírita
 
TRABALHOS DE CAMPO
Os trabalhos de campo se realizam de duas formas:
Por solicitação do Movimento Espírita local, pela Federação Espírita do Distrito Federal (FEDF), receptador natural dos trabalhos do Grupo e através de demandas oriundas de outras Federativas ou Centros Espíritas de outras localidades.
Por iniciativa do Grupo, para desenvolvimento de projetos específicos ao Grupo, como, por exemplo, pesquisas de campo em determinados tópicos de estudo.
 
MEMBROS EFETIVOS E COLABORADORES
   O Grupo conta com número restrito de membros efetivos e parceiros que poderão ser convidados como colaboradores associados ou eventuais, para execução de determinados trabalhos pertinentes aos objetivos do Grupo, desde que aprovados pelos membros efetivos.
 
ORIENTAÇÕES GERAIS DO MENTOR ISIDORO

O Grupo integra duas equipes, compostas de encarnados e de desencarnados. Os desencarnados são de duas categorias: os trabalhadores espirituais que compõe o grupo participante dos trabalhos de formação e os atendidos eventuais que são trazidos para se beneficiar de conhecimentos práticos pontuais e do campo curador.

A responsabilidade e o compromisso de cada um dos membros do grupo são igualmente importantes para a manutenção dos seus objetivos, sem estabelecimento de hierarquia nas decisões, tomadas sempre de forma conjunta e cooperativa. O estabelecimento de coordenação obedece à necessidade de organização das tarefas.

As tarefas são assumidas voluntariamente, com observância das diferentes capacidades e habilidades, respeitando-se também o desejo individual de aprendizagem ou de aprimoramento em determinada área.

Cada membro do Grupo detém o compromisso de trabalhar-se em suas dificuldades pessoais e vivenciais para manter seu campo energético na maior harmonia que puder e exemplificar os conteúdos que defende para a formação de trabalhadores do Cristo.

Cada membro detém o compromisso de manter a energia do campo, através do aprofundamento individual nos tópicos de estudo e da frequência consciente e participativa aos trabalhos em grupo.

Cada membro detém o compromisso de produzir e divulgar os materiais previstos e acordados na programação do Grupo.

Como resultado da consolidação da energia grupal, são asseguradas pelo Mentor Espiritual orientações e amparo ao desenvolvimento de sua programação e atuação na consecução de seus objetivos.

É recomendado registro da sequência de estudos e tarefas, para acompanhamento da progressão dos trabalhos e como sugestão-base de produções específicas.
 
COMPROMISSOS GERAIS DOS MEMBROS DO GRUPO
Derivados das orientações do Mentor Espiritual Isidoro:

⇒ Pautar sua conduta pela aplicação da fraternidade Cristã em relação a si mesmo e em relação a todos com quem se relacionar em função dos trabalhos do Grupo.

⇒ Demonstrar respeito irrestrito ao ser humano, pela aplicação da terapêutica compassiva e misericordiosa no trato com as questões apresentadas pelos companheiros de trabalho e/ou atendidos.

⇒ Capacitar-se através do estudo e da atualização constante de conhecimentos da Doutrina Espírita e daqueles pertinentes ao relacionamento construtivo com o semelhante, bem como de sua continuada reforma íntima e evolução pessoal.

⇒ Observar discrição no trato com os assuntos, situações e práticas internas e externas do Grupo e sigilo ético em relação ao seu conteúdo.

⇒ Dar cumprimento integral às normas do Grupo e demonstrar comprometimento ético e religioso para com a Doutrina Espírita.
 
ÁREA “ATENDIMENTO ESPIRITUAL NO CENTRO ESPÍRITA”
    De acordo com a Federação Espírita Brasileira, em “Orientação ao Centro Espírita”, pg. 32.
⇒ Atividade de Recepção;
⇒ Atividade de Atendimento Fraterno pelo Diálogo;
⇒ Atividade de Explanação do Evangelho à Luz da Doutrina Espírita;
⇒ Atividade de Atendimento pelo Passe;
⇒ Atividade de Irradiação;
⇒ Atividade de Evangelho no Lar e Implantação do Evangelho no Lar.
 
Brasília, 2016

CRIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO Neuza Zapponi de Mello

     Escritora; palestrante; facilita cursos de autotransformação (reforma íntima) e formação de trabalhadores espíritas. Filiações de trabalho: Federação Espírita do Distrito Federal (FEDF) e Comunhão Espírita de Brasília. Profissional por quarenta e sete anos em Psicologia e Educação. Vasta experiência no atendimento a pessoas em sofrimento profundo (perdas, traumas, crises severas, doenças graves). Professora-doutora aposentada da Universidade de Brasília (UnB). Ex-professora da University of Texas (USA).

MULTIPLICADORES DE FORMAÇÃO
Luiz Fernando Marques
Márcia Elise B G Almeida
Moisés Shalon G de Almeida
Rívea F Maia
Ruth Meireles Daia

 FEDF (DAE) – MEMÓRIA 10 ANOS: 2006-2016
FORMAÇÃO DE TRABALHADORES EM ATENDIMENTO FRATERNO
Clique na imagem para ver o arquivo