ATENÇÃO! 2a. EDIÇÃO DO LIVRO BASE DISPONÍVEL! NA LOJA VIRTUAL DA FEDF - clique na imagem

MEU IDIOMA

ptafarcazh-CNhrenfrdeeliwhiidgaitjakoplruesuk

CADASTRE-SE

SITES RELACIONADOS



PROGRAMA JORNADA FRATERNA
FORMAÇÃO BÁSICA EM ATENDIMENTO FRATERNO

ROTEIRO DE ESTUDO QUATRO
Querido Irmão, Querida irmã,
Alegria e Paz!
     Este Roteiro apresenta sugestões de estudo e reflexão baseadas no livro “Atendimento Fraterno no Centro Espírita: A Terapêutica do Cristo Consolador” (livro-base).

CAPÍTULO PARA ESTUDO: 3
Atendimento Fraterno no Centro Espírita:
Conceituação e Histórico
Páginas 35 a 45 (1a. ed.); Páginas 45 a 58 (2a. ed.)

OBJETIVO DO CAPÍTULO
Parte I: Fundamentação e Filosofia - Seção I: Motivacional
Conceitua a atividade de Atendimento Fraterno no Centro Espírita como vivência do Consolador prometido por Jesus, definindo-a através da rememoração de aspectos de sua evolução histórica e de sua inserção na área do Atendimento Espiritual, segundo orientação atual da Federação Espírita Brasileira.

ATIVIDADES INDIVIDUAIS (prévias ao encontro do Grupo de Formação)
Logo no início da leitura Emmanuel lhe dirá que o “Espiritismo é um processo libertador de consciências”. Através do texto do capítulo - e da mensagem sugerida para o Grupo - você está iniciando uma jornada de reflexões sobre como vivenciar esse processo através do Atendimento Fraterno. Propomos que você trabalhe as seguintes questões:

1. Em quais atividades do seu Centro Espírita (ou de sua vida) você vê aplicados os ensinamentos e a terapêutica do Cristo, como proposto pela classificação nas páginas 37-38 (1a. ed.); ou 49-50 (2a. ed.)?
2. Passe aos “Propósitos do Atendimento Fraterno no Centro Espírita”: páginas 39 a 42  (1a. ed.); ou páginas 51 a 55 (2a. ed.). Resuma para si mesmo cada um dos elementos considerados. Reflita se você concorda – ou não – com a argumentação apresentada. Em geral, considere:
• Como é apresentada a tarefa do “cuidado”.
• Que sentido é dado para a “ajuda – auxílio” à pessoa atendida.
• Que distinção é feita entre os recursos de auxílio recomendados pela Doutrina e os disponíveis em outros campos de ajuda.
• Como você vê a ideia de que nosso papel é auxiliar a pessoa a encontrar seus próprios caminhos, não caminhar por ela?

ATIVIDADES NO GRUPO DE FORMAÇÃO
Sugerimos que sejam seguidos os itens da orientação sobre “Dinâmica dos Encontros do Grupo de Formação”, explicitada na página “GRUPOS DE FORMAÇÃO”, neste site. Menu: “Formação em Atendimento Fraterno”.

MENSAGEM INSPIRADORA
“Advento do Espírito de Verdade”.
(Trechos de autoria do Espírito de Verdade)
A mensagem integral encontra-se na página “MENSAGENS INSPIRADORAS”, neste site. Menu: “Formação em Atendimento Fraterno”. Pode ser baixada pelo usuário.
Observação:
Caso o Grupo se disponha, recomendamos a leitura e comentário de todo o capítulo VI do Evangelho, dada a sua importância para a formação do campo propício à atividade de Atendimento Fraterno com o Cristo Consolador, objeto de nossos estudos. Chamamos a atenção dos membros do Grupo para a beleza das mensagens do Espírito de Verdade e sua imensa significação para o trabalho de consolação dos aflitos. Trechos poderão ser destacados para serem utilizados quando do encontro com as pessoas em sofrimento ou para indicações de leitura.

SUA PRÓXIMA TAREFA
Tomar conhecimento e realizar as atividades individuais do “ROTEIRO CINCO” antes do encontro do seu Grupo de Formação no qual ele vai ser focalizado.

ESTEJA SEMPRE NA PAZ DO DIVINO MESTRE !


copyright@ NEUZA ZAPPONI-MELLO, 2016

CRIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO Neuza Zapponi de Mello

     Escritora; palestrante; facilita cursos de autotransformação (reforma íntima) e formação de trabalhadores espíritas. Filiações de trabalho: Federação Espírita do Distrito Federal (FEDF) e Comunhão Espírita de Brasília. Profissional por quarenta e sete anos em Psicologia e Educação. Vasta experiência no atendimento a pessoas em sofrimento profundo (perdas, traumas, crises severas, doenças graves). Professora-doutora aposentada da Universidade de Brasília (UnB). Ex-professora da University of Texas (USA).

MULTIPLICADORES DE FORMAÇÃO
Luiz Fernando Marques
Márcia Elise B G Almeida
Moisés Shalon G de Almeida
Rívea F Maia
Ruth Meireles Daia

 FEDF (DAE) – MEMÓRIA 10 ANOS: 2006-2016
FORMAÇÃO DE TRABALHADORES EM ATENDIMENTO FRATERNO
Clique na imagem para ver o arquivo